segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Tema de hoje: Os que se julgam puros


Como trilheiro espiritual, vos digo: "O que segue é ainda dos sábios: Não é bom mostrar-se parcial no julgamento". Todo caminhante de fé tem dúvidas sobre seu trabalho esotérico oportunista. Uma delas é se realmente o divino nirvânico irá julgá-los de forma justa e imparcial. Meu irmão, minha irmã, não existe julgamento imparcial. A balança penderá para aqueles que não deixaram de cumprir com suas obrigações dialéticas, a despeito de suas dúvidas. Recusar uma doação generosa ppode causar uma má impressão irreversível. Nós, "magos", comungamos diariamente com o divino, em nosso chateau, estimulados por nossas taças de vinho francês. Somente assim garantimos nosso pedaço no outro plano. Julgados e purificados são os caminhos da iluminação.

Em tempo: Já temos um escolhido para assumir uma das regionais da Hector Hereeye Foundation. Em breve será divulgado o local onde comandará uma das organizações que mais cresce no mercado esotérico oportunista.

Direto de Zanghmu, Tibet: Na imagem vemos um grupo de peregrinos apresentando o ritual Tuon-Bin-sun na filial local da Hector Hereeye Foundation. Após o ritual proferi a palestra, "O julgamento transcedental dialético, uma abordagem purista do mundo cármico dicotômico”, para 1.500 empresários tibetanos. Aos que desejam ter seu blog linkado, nessa casa espiritual, se manifestem. É de graça.

A partir de hoje estarei respondendo às consultas oraculares na seção Espiritualidade/Mago Responde do "O Pensador Selvagem". Enviem por e-mail para heitorcaolho@gmail.com ou acessem AQUI e façam sua consulta.

Seja o primeiro a comentar

  ©"Em verdade vos digo", o blog da Hector Hereeye Foundation Template layla-imagem banner Kazuhiko Nakamura

TOPO  

Clicky Web Analytics