quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Hoje é dia para fazer algo fora do comum


Como trilheiro espiritual vos digo:”Errar é humano, persistir no erro é coisa de estúpidos alienados”. Venho, insistentemente, insistindo que a mesmice é o motor que nos leva à depressão, estresse e aos chifres. Você, meu irmão, minha irmã, deve agir de forma diferente, não importa se hoje ou amanhã. Suba na mesa do chefe e dance a “macarena”. Coloque para fora aquela idéia estúpida, mesmo que seja motivo de sua demissão. Confesse seus pecados em praça pública. Abrace uma árvore. Doe uma quantia significativa para a Hector Hereeye Foundation. Compre mais livros esotéricos e ajude um “mago” a desfrutar com mais tranqüilidade do seu chateau e de sua adega de vinhos franceses. Diferentes e insidiosos são os caminhos da luz.

Direto de Tokyo: Aproveitei minha visita a esta linda cidade. Fui convidado para acompanhar a procissão dos monges Shen-Kun-rong. Foi realmente uma experiência transcendental. Após a procissão proferi uma palestra construtivista para 1.500 empresários japoneses. Amanhã estarei em Seul. Aos irmãos e irmãs que queiram ter seus blogs linkados nessa casa espiritual deixem seu pedido. Não custa nada.

terça-feira, 27 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Quem define quantos milhões você vê?


Como trilheiro espiritual vos digo:”Mais vale um milhão na mão do que dois real voando”. Meu irmão, minha irmã, um ótimo exercício relaxante é imaginar dinheiro. Pare um instante e imagine uma grande soma de dinheiro. Quanto pensou? Dez real? Cem mil? Um milhão? A mega-sena acumulada? O próximo depósito beneficente para a Hector Hereye Foundation? A resposta está em algum lugar e devemos sempre usar nossa imaginação a nosso favor. Nós, “magos”, fazemos um exercício interessante. Imaginamos o quanto queremos amealhar com nosso próximo livro ou palestra. E, de trás para a frente, deduzimos o investimento que devemos fazer para alcançar esse objetivo. A compra de um crítico de peso. Um final de semana, para editores influentes, em nosso chateau regado a vinho francês e lindas acólitas de nossa fundação. Voadores e irrespondíveis são os caminhos da verdade da luz.

Direto de Papeete: Acima temos uma visão de nosso resort no Tahiti para os membros que querem aproveitar seu momento de lazer e desfrutar de um merecido repouso. Amanhã estarei em Tókio (dura essa vida de peregrino da luz). Aos que aqui desejam ter seus blogs linkados deixem seu pedido nos comentários.

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Permita-se mudar de opinião


Como trilheiro espiritual vos digo:”De louco e chato todos nós temos um pouco”. Sem medo de ser repetitivo, já que disse aqui antes, anteriormente, que a mesmice leva à depressão, ao estresse e a um belo par de chifres. Ao se deparar com a rotina, cumprimente-a e vá embora. Uma das formas que nós, “magos”, utilizamos para agitar nossa vida ascética, tirando-nos de nosso chateau e afastando-nos de nossa adega de vinhos franceses de qualidade, é viajar de primeira classe. Tahiti, Seichelles, Bali, Paris, Tókio, Queensland, todos são destinos relaxantes. Ou então, verificar a vendagem de nossos livros. Meu irmão, minha irmã, ao se sentirem na rotina e não puderem usufruir uma belíssima viagem mudem a gravata, ou a bolsa, mudem a academia ou o(a) amante. Saiam correndo pelados pelo meio da rua numa madrugada fria. Mas não exagerem, pensem bem antes de mudar de sexo. Repetitivos ad eternum são os caminhos da luz.


Direto de Vienna: A imagem acima mostra uma de nossas irmãs protestando contra o fim do subsídio as igrejas esotéricas na Argentina. Amanhã vou ao Tahiti. Aos irmãos e irmãs que queiram ter seus blogs linkados nessa casa espiritual informo que não cobramos taxa sobre esse serviço. E deixem o seu desejo explicitamente nos comentários.

domingo, 25 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Ousar no cotidiano é o caminho para uma vida feliz


Como trilheiro espiritual vos digo:"Ouse, mas cuidado, se exagerar na dose, pois, ou você é ou será". Todos nós, meus irmãos, minhas irmãs, ficamos cansados da rotina. Nada mais natural. A mesmice é um dos maiores causadores de estresse, depressão e chifres. Nós, "magos", somos bem-sucedidos por que ousamos. Ousamos quando compramos aquele crítico importante. Ousamos quando passamos aquela cantada nas fãs mais assanhadas, mesmo se falamos obviedades óbvias. Ousamos quando compramos aquele chateau e o abastecemos de magníficos vinhos franceses. Mas jamais olhamos nos olhos de um desconhecido e falamos de amor à primeira vista. É um passo para a baitolagem, a não ser que o desconhecido seja um exemplar espetacular do sexo oposto. Ousados e fantasiosos são os caminhos da luz.

Direto de Berlin: Acima vemos novas idólatras de nosso maravilhoso e iluminado movimento pela iluminação espiritual. Aos que quiserem que seus blogs sejam linkados nessa casa espiritual deixem seu recado explícito. Não cobramos taxas para este serviço. Amanhã estarei em Vienna.

sábado, 24 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Pequenos prazeres e grandes estímulos


Como trilheiro espiritual vos digo:"Na minha noite de núpcias ele vem pedir-me emprestado o tamborim". Devemos cuidar de nosso corpo, principalmente na noite de núpcias. Uma brochada, nessa hora crucial, pode colocar toda sua felicidade, meu irmão, minha irmã, a perder. Imaginem-se na situação. Um belo hotel, uma saborosa e cara champanhe, as algemas, o chicote e na hora H nada. Não devemos nos preocupar com a performance. O que vale é o amor pelo(a) próximo(a). Devemos nos render as pequenas fantasias. O que é essa tortura perante o amor eterno? Nada. Nós, "magos", em nosso chateau saboreando um delicioso vinho francês, sabemos que as pequenas travessuras nos trazem grandes prazeres. Hoje, por exemplo, estou em Munich prestigiando o grande festival esotérico da Baviera. Uma grande cervejada nos traz pequenos porres. Um êxtase. Etílicos e fantasiosos são so caminhos da luz.

Direto de Munich: Apesar da ressaca estarei amanhã em Berlin para a homenagem aos novos idólatras. Aos que quiserem que seus blogs sejam linkados nessa casa espiritual deixem seu recado explícito. Não cobramos taxas para este serviço.

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: As palavras transformam


Como trilheiro espiritual vos digo:"Em boca fechada não entra mosca e também não sai besteira". Nós, "magos", nem sempre concordamos em tudo. Por exemplo, a divulgação dos sucessos alcançados em nossas atividades. Sou daqueles que acham que ficar quieto quando ganhamos aquele aumento maravilhoso, compramos aquele carrão do ano ou ganhamos na loteria é fundamental. Você, irmão, irmã, ao conseguir suas vitórias divida-as com outros irmãos ou irmãs dentro do âmbito esotérico no qual está inserido(a). Conte tudo ao seu líder espiritual. Assim, esse iluminado guru, poderá avaliar melhor seu patrimônio e ajustar suas contribuições ao verdadeiro poder de sua conta bancária. Eu somente falo do meu chateau e de minha adega de estupendos vinhos franceses pois são de domínio público. Falastrões são os caminhos da luz.

Direto de Zurich, Switzerland: Ainda estou vendo minha contabilidade, aguardando um grande aporte em minha conta secreta. Amanhã estarei em Munich para o grande festival esotérico da Baviera. Aos irmãos e irmãs que queiram ter seus blogs linkados aqui peço que, nos seus comentários, deixem explicitamente esse desejo. (na imagem acima vemos a residência do meu patrimônio financeiro)

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: O divino fala conosco


Como trilheiro espiritual vos digo:"Não é por amor a Deus que o gato caça os ratos". Deparei-me certa vez, no caminho Ao-Shu-man, com um dos monges Ma-Tian-rui. Como ele estava diante de uma casa suspeita e se auto-imolando parei para conversar com tão inusitada figura. Me contou que já tinha peregrinado por meio mundo atrás do significado da verdadeira luz espiritual. Mas somente diante, daquela casa suspeita, tinha encontrado a resposta final no livro que tinha encontrado ali, jogado, e estava se flagelando em alegria. Reparei que estava com um exemplar de um dos primeiros livros que editei. A vida é cheia de surpresas. Quando menos esperamos ouvimos as respostas divinas às nossas perguntas mais complexas. Somos todos ávidos por respostas, dicas e fofocas. Meu irmão, minha irmã, o divino sempre está disposto a ouvir suas querelas. Caso seja difícil identificar a resposta procure naquele sopro de vento, naquele gesto inesperado de um(a) desconhecido(a), nas filias da Hector Hereeye Foundation que sempre terão os braços abertos. Portanto, tenham sempre os olhos abertos. E não esqueçam que a luz divina tem preço, então mantenham também seus bolsos abertos. Nós, "magos", cruzamos diariamente com as mais diversas fontes de sabedoria e iluminação. Sempre as utilizamos para repassar nossos ensinamentos, a não ser que tenham copyright. Do nosso chateau, bebendo vinho francês, meditamos em profundidade. Curiosos e doloridos são os caminhos da luz.

Direto de Einsiedeln, Switzerland : Depois de algumas horas em Zurich estou aqui na abadia de Einsiedeln, terra de Paracelsus. A imagem acima, inesperada para a região, é de uma procissão de monges Wu-E-xie. Aos irmãos e irmãs que queiram ter seus blogs linkados nessa casa de iluminação deixem seu recado.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Ensinamentos milenares


Como trilheiro espiritual vos digo:"O homem é a principal fonte de seu próprio infortúnio". Todos nós, meus irmãos, minhas irmãs, devemos estar atentos aos perigos que a vida mundana apresenta. Do que adianta desviar milhões do dinheiro público se, imediatamente e em um acesso de incontinência verbal, você conta para sua mulher ou, pior, sua amante. Do que adianta ganhar milhões na loteria e, ao invés de comprar seu chateau e beber saborosos vinhos franceses como se fossem água, continuar morando naquele barraco de sempre e, ainda por cima, contratar seguranças de origem duvidosa. Tenham sempre em mente que o azar, ou uma amante recalcada, são o contra-ponto do sucesso. Nós, "magos", somos sábios o bastante para termos um recurso contra esses infortúnios. Nosso "caixa dois" sempre é depositado na Suiça, meu próximo destino, regularmente. E nunca falamos de negócios na cama. Atribulados e perigosos são os caminhos da luz.

Direto de Санкт-Петербург: Aqueles irmãos ou irmãs que desejarem ter seus blogs linkados aqui nessa casa espiritual deixem seu recado.

terça-feira, 20 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Lenine desce ao inferno


Como trilheiro espiritual vos digo:"Em casa de ferreiro, Deus e o diabo não querem saber de espeto e o boi só engorda com o olho do dono". Como todos sabem a Hector Hereeye Foundation tem dezenas de filiais espalhadas em todo o mundo. Começo, a partir de hoje, minha peregrinação para levar a palavra da iluminação aos famintos pela luz. E conferir minha contabilidade. Sempre começo por Moscow. Então conto aqui uma das lendas mais iluminadas da civilização. Quando Lenine morreu, por ser comunista ateu, foi para o inferno. Chegando lá o diabo, esse ser das trevas, deu 3 opções de castigo para os seus pecados. Eram 3 portas. Na primeira, um homem era assado lentamente em carvão. Gritava enlouquecido. Na segunda, um homem era queimado em óleo fervente. Também gritava enlouquecido. Na terceira, uma mulher linda e estonteante estava ajoelhada na frente de um homem, fazendo sexo oral, o famoso bola-gato. O homem gemia descontroladamente de prazer. Ao ser perguntado por qual castigo escolhia, Lenine, sem titubear, disse, "o número 3". O diabo, este ser maquiavélico, virou-se para o casal e disse, "a senhorita pode sair do castigo". Nós, "magos", entendemos os maléficos desígnios do lado escuro. Não somos enganados por falsas imagens. Precisamos ver para crer e ter todas as informações claras. Só isso garante o sustento de nosso chateau e de nossa adega de saboroso vinho francês. Meus irmãos, minhas irmãs, sigam este conselho e jamais cairão nas armadilhas. Cômicos e hilários são os caminhos da luz.

PS: Diretamente de Moscow: Aos irmãos e irmãs que desejem ter seus blogs linkados aqui nessa casa espiritual deixem seu recado nos comentários.Amanhã irei para São Petesburgo

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: A arma mais poderosa é...


Como trilheiro espiritual vos digo:"Em terra de cego quem tem língua vende mais". Certa vez, em minha peregrinação pelos caminhos da luz fui levado, não se sabe por qual razão, ao mosteiro Meng-Shuo-rui dos monges Abaditas. Lá, fui convidado a observar a eloquência com que os monges debatiam. Realmente era surpreendente assistir. Compreendi, num átimo iluminado, que a palavra é mais afiada que a faca, mais destrutiva que a bomba atômica, mais poderosa que uma frota de porta-aviões. E que pode trazer benefícios preciosos, como um belo chateau nos vales ou garrafas de irretocáveis vinhos franceses. Meu irmão, minha irmã, use a palavra sempre a seu favor, tenha a inquestionável última palavra em qualquer debate. Procure ver se estão utilizando esta arma poderosa contra você. Nós, "magos", sempre estamos observando e nos defendendo contra isso. Nosso escudo é um crítico bem comprado ou um editor bem azeitado. Esgrimáticos e afiados são os caminhos da luz.

PS: Diretamente de Veneza: Aos irmãos e irmãs que desejem ter seus blogs linkados aqui nessa casa espiritual deixem seu recado nos comentários. Aviso que hoje a noite ireia para Moscow para fugir do trânsito da Via Ápia na volta do carnaval

domingo, 18 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Fugir não é o melhor caminho


Como trilheiro espiritual vos digo:"Quem gosta de fazer doce é doceiro". Meus irmãos, minhas irmãs, não deixem que o sucesso profissional ou no amor suba a sua cabeça. Se as atribulações mundanas estão lhes chateando façam como nós, "magos", que quando queremos sair de circulação, para comprar mais um chateau ou aumentar nossa coleção de vinhos franceses, vamos para um local tranquilo e sossegado. Como veneza por exemplo. Lá, longe dos advogados e empresários, podemos arquitetar, em comunhão divina, como extrair mais leite das abundantes tetas comerciais. Sempre há um jeito. Difíceis são os caminhos da salvação.

PS: Diretamente de Veneza: Aos irmãos e irmãs que desejem ter seus blogs linkados aqui nessa casa espiritual deixem seu recado nos comentários.

sábado, 17 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: O justo descanso do guerreiro


Como trilheiro espirital vos digo:"Também sou filho de Deus". Meus irmãos, minhas irmãs, se até Deus descansou no sétimo dia, este "mago" que vos fala também pode. Voltaremos após o carnaval ou a qualquer momento, caso o sindicato nos permita. Releiam os ensinamentos até agora publicados. Enquanto isso, irei deixar meu chateau e minha adega de exuberantes vinhos franceses e irei beber um excelente vinho italiano em Veneza. Rítmicos e eufóricos são os caminhos da luz.

PS: Diretamente de Veneza: Aos irmãos e irmãs que desejem ter seus blogs linkados aqui nessa casa espiritual deixem seu recado nos comentários.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Cuidado com as lembranças


Como trilheiro espiritual vos digo:"Somos todos movidos por lembranças, não esqueçam de sua contribuição monetária". Entre minhas andanças pelo mundo, levando a luz aos desassistidos, certa vez retornei à Ásia. Lá, sentado em um banco na praça Kong-Fei-dan, lembrei-me das prestativas irmãs que me iniciaram nas técnicas do Ai-Sheng-rong. Boas lembranças. Meus irmãos, minhas irmãs, ter lembranças é bom mas não devemos viver unicamente delas. A única lembrança indelével é que o trabalho espiritual demanda muito dinheiro e, portanto, é necessário todo mês o depósito de seu dízimo para que continuemos nossa caminhada. Se ainda não regularizou, clique aqui. Nós, "magos", nunca esquecemos do conforto de nosso chateau ou do sabor de um bom vinho francês. Monetários e inesquecíveis são os caminhos da luz.

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Onde está a verdade?


Como trilheiro espiritual vos digo:"A verdade está onde ela está". Não existe almoço grátis, meu irmão, minha irmã. Todo sucesso e descoberta precisa de certo esforço. Nós, "magos", gastamos muita energia bajulando críticos, autografando livros, aturando enfadonhos consumidores e inventando bobagens para alavancar mais dinheiro. Não achem que ter um chateau e beber vinho francês não requer esforço. Então, ao desejar ou procurar alguma coisa tenha em mente que vai custar muito suor e lágrimas. Verdadeiros e cansativos são os caminhos da luz.

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Se eu posso, você pode


Como trilheiro espiritual vos digo:"Água mole em pedra dura tanto bate até que estoura as contas domésticas". Quando no caminho Ao-Shu-man tive a oportunidade de conhecer diversos templos. Cada um deles tinha sua peculiaridade em exercitar os poderes da oração. Cada um tinha sua forma de pedir ao divino luz, sabedoria, mulheres, bebidas e dinheiro. Por exemplo, os monges Tântricos gemiam em extase durante horas a fio. Incrível como não empedrava. Já os monges do mosteiro sha-o-lin Bai-Pei-dian, os Feng-Ao-rong, emitiam um som profundo e mau-cheiroso que durava horas, um recorde. Então, meus irmãos, minhas irmãs, saibam que qualquer forma de expressão corporal e de pensamento contínuo é uma oração. Nós, "magos", costumamos fumar legítimos charutos Montecristo continuamente enquanto contemplamos o horizonte, em nosso chateau e, claro, acompanhado de um divino vinho francês. Implorativos e contemplativos são os caminhos da salvação espiritual.

terça-feira, 13 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Como agradar o divino


Como trilheiro espiritual vos digo:"Quer agradar ao divino? Na minha mão é mais barato!". Todos querem as benesses e bençãos divinas. Todos oram para ganhar na mega-sena, comprar aquele apartamento de cobertura ou sua ferrari F50 ou, ainda, um pequeno iate de 110 pés. Poucos são atendidos. A grande questão é o por quê desse funil. Receber algo do divino é como um vestibular. É necessário recorrer aos "magos", esses grandes intermediários, para ter sucesso. Notem, meus irmãos, minhas irmãs, que a posse de nossos chateaus e adegas de vinhos franceses nos capacitam para tal árdua tarefa. O retorno divino necessita, sempre, de um pequeno investimento. Intermediáveis são os caminhos da luz.

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Respostas intrigantes


Como trilheiro espiritual vos digo:"Quem procura, acha". Todos buscam respostas às mais variadas perguntas. Cada um de vocês, meus irmãos, minhas irmãs, tem suas próprias perguntas. Não cabe a nós, "magos", censurá-las. É nossa obrigação, e ganha pão, respondê-las da melhor forma possível. Mesmo que não signifique nada para quem as ouve. Digo, do alto de minha experiência astral, que o divino está em todas as coisas. Naquela flor perdida na floresta, naquele pássaro a voar pelo céu azul, no ronronar suave daquela ferrari F50, no vento que sopra sobre o chateau, no aroma maravilhoso do vinho francês que está sobre a mesa. Basta saber ouvir que terá respostas. Inquestionáveis e irrespondíveis são as vozes divinas do além.

domingo, 11 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: A luz interior


Como trilheiro espiritual vos digo:"Todo o asno come palha, é preciso apenas saber enfeitar o prato". Meus irmãos, minhas irmãs, todos vocês são seres de luz. Alguns são como lâmpadas incandescentes. Outros como lâmpadas econômicas. Esses últimos, com o tempo, irão conseguir o seu chateau e seu vinho francês de todo o dia. O que falta, para que toda essa energia trifásica venha à tona, é ligá-los na tomada certa. Se for um "gato" melhor ainda. A indecisão, medos e culpas, nessa hora crucial, distingue o guerreiro do contribuinte honesto. Não esqueçam que processos judiciais levam anos a fio. Façam como nós, "magos", aproveitem a boa-vida. Iluminados e energéticos são os caminhos divinos.

sábado, 10 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: O dom da oração


Como trilheiro espiritual vos digo:"Aquilo que pedimos aos céus na maioria das vezes se encontra nas boas lojas do ramo". O divino é paciente. Imagine, meu irmão, minha irmã, milhões de pedidos diários dirigidos aos mais diferentes deuses. Uma ferrari aqui, uma mega-sena acumulada ali, um mensalão acolá. Todos pedidos com fervor e devoção dignos de um Buda. Nós, "magos", acreditamos que o poder da oração move montanhas, mas não somente mentalize o objeto do desejo. Mande um fax ou email. Mude seus hábitos e passe a consumir apenas pão com mortadela e água, como penitência, e economize para a compra do chateau e da adega de divinos vinhos franceses. Escute o seu ambiente e ouça as respostas. Se não ouvir nada vá a um otorrino. Abençoados e caros são os desígnios da luz.

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Decisões


Como trilheiro espiritual vos digo:"Não comas alho e não cheirarás a alho". Todos somos senhores de nossos destinos. Nós "magos", por exemplo, temos por destino Paris, Londres, Tóquio ou outra agradável metrópole mundial. Nossas decisões ditam nosso futuro. Pense sempre com cautela e, jamais, no calor da batalha. Diferentemente de outros "magos" não acredito que uma decisão tomada hoje afete um fato passado. Se isso fosse possível você, meu irmão, minha irmã, com bastante fé poderia alterar seu jogo da mega-sena e comprar seu chateau e montar sua adega com efusivos vinhos franceses. Atemporais e decisórios são os caminhos da luz.

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Longevidade


Como trilheiro espiritual vos digo:"Se comermos menos, degustaremos mais". Quando em minha peregrinação pelo Ao-Shu-man deparei-me, certo dia, com um abrigo para idosos. Movido pela curiosidade resolvi entender um pouco sobre a vida e a morte. Ao entrar, encontrei um senhor bem velhinho, meio surdo, encurvado em sua bengala, andando com dificuldade, perguntei a ele qual o segredo da longevidade. Me respondeu:"Sempre me alimentei de peixes, frutas e legumes, nunca fumei, só tomo água e tive uma única mulher". "E quantos anos tem", perguntei. Ele todo orgulhoso: "99 anos". Andei mais um pouco e me deparei com um senhor ainda mais velhinho. Perguntei o mesmo, ele respondeu:"Sempre me alimentei de verduras, peixes e frutas frescas, nunca bebi nem fumei, não tive nenhuma mulher". "Quantos anos tem meu amigo", perguntei. "118 anos", respondeu. Espantado continuei minha visita. Encontrei então um senhor bem, bem velhinho, de cadeira de rodas, compleatmente desgrenhado, sem dentes, olhos quase cegos, com uma dificuldade enorme de ouvir e com um ronco no pulmão que me sugeria tuberculose em último grau. Refiz a pergunta e ele me respondeu:"Sempre vivi na esbórnia, fumava 4 maços de cigarro por dia, uísque aos litros, mulheres à vontade, comia sempre churrasco e frituras. Água? Sucos? Coisa de fresco. O meu negócio é cerveja e cachaça". Boquiaberto, pois ele era o que aparentava mais idade ali, perguntei sua idade. "25 anos", respondeu.

Estamos sempre caminhando à beira do abismo, e nosso corpo, meu irmão, minha irmã, é nosso templo. O culto que criarmos nos dirá se o retorno financeiro é o suficiente para nosso bem-estar. Se o templo estiver com tudo em cima procure a G Magazine ou a Playboy. Nós "magos" aprendemos como andar na beira do abismo sem cair nele. Isso nos permite a aquisição de nosso chateau e de nossa adega de estupendo vinho francês. Limítrofes são os caminhos da luz.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Voando para seus sonhos


Como trilheiro espiritual vos digo:"Mais vale um milhão de dólares na mão do que dois pássaros voando". Tenhamos sempre em mente, meu irmão, minha irmã, que nada é mais valioso do que nosso chateau e nosso vinho francês. Nossas raízes, educação e senso de oportunismo são fundamentais para atingir esse objetivo. Valorize o lugar de onde veio, mas distancie-se na primeira classe da Air France. Nas asas da aviação poderemos analisar, com vagar, sobre os caminhos dos "magos". Pobre daquele que não pode viajar para a Europa pelo menos uma vez ao mês. Aeroportuários e enraizados são os caminhos da luz.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Marketing de guerra


Como trilheiro espiritual vos digo:"O marketing é o caminho para o reconhecimento público". Nem sempre, meu irmão, minha irmã, sabemos bem a razão de não conhecermos Deus. Ou ainda porque deixamos de acreditar em sua onisciente presença. A falta de um eficiente departamento de marketing, com um gerente aguerrido e ousado, pode ser a explicação. Trazendo esse iluminado ensinamento para o dia-a-dia, como grande "mago" do marketing, posso afirmar que quando queremos que nossos feitos sejam reconhecidos devemos sempre divulgá-los. Uma conversa, um crítico literário bem comprado, uma mentira deslavada, tudo isso vale para que nos tornemos os maiorais. Só assim poderemos ter aquele chateau e beber um magnífico vinho francês. Propagandísticos e informativos deverão ser os caminhos da iluminação.

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Escalada



Como trilheiro espiritual vos digo:"Ao se desejar a montanha, só o cume interessa". Todos querem chegar perto do divino. É uma aventura lúdica e única, onde cada ser a vivencia de modo distinto. Mas cuidado. Uma escalada deve ser bem planejada e executada. Nós "magos" recorremos às cordas e mosquetões. Então, ao escalar, meu irmão, minha irmã, estamos sujeitos às quedas e a visões dantescas do alto da montanha. E de nada adianta contratar aquele helicóptero bacana para aproximá-lo do céu. A única via é a passagem terrena. Aguardem pois seu infarto fulminante. Ou a falência múltipla de órgãos. Enquanto isso se esforcem para ter seu chateau e seu excelente vinho francês. Inescapáveis e escarpáveis são as escaladas do caminho divino.

Aviso aos irmãos, irmãs

Em respeito a meus fiéis leitores estarei, a partir do próximo sábado, respondendo as questões levantadas nesse canto esotérico, esse pilar da salvação, a trilha para o caminho iluminado da luz maior. Portanto, fiquem à vontade para deixar, além de módica quantia, suas apreensões em comentários.

Tema de hoje: Felicidade



Como trilheiro espiritual vos digo:"Temos duas certezas na vida, a morte e os impostos". Somos o que somos, porque o somos. Se você, meu irmão, minha irmã, é daqueles que acha que ser feliz significa ser um singelo ganhador da mega-sena reveja seus conceitos. Do que adianta ser um milionário se suas escolhas o levam ao túmulo? Um casamento mal-feito, uma casa ajambrada, seguranças da PM do Rio, tudo isso é o prenúncio do caos. Não critique a boa sorte. Nós, "magos", nunca reclamamos de nosso chateau e de nosso bom vinho francês servido diariamente por virgens vestais desnudas. Tenham em mente que o sentimento de culpa é espúrio. Mas nada que compras na Daslu, mesmo sabendo que estarão comprando gato por lebre a preços extorsivos, não resolvam. Deixe o trabalho social para seu sócio. Sim, seu sócio. Aquela entidade metafísica que mama 40% do seu rendimento e patrimônio. Um grande conselho que vos vendo é se mudem para um paraíso fiscal, de preferência no Caribe. Sonegados e tributários são os caminhos da salvação.

sábado, 3 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Pimenta no dos outros é refresco



Como trilheiro espiritual vos digo:"Conselho é bom e eu vendo, por módica quantia". Se tens dúvidas, meu irmão, minha irmã, de como resolver aquela pendenga, aquele problema que lhe aflige, use a grande e milenar técnica dos "magos". Perceba o seu meio-ambiente. Perceba as nuances da fala de seus pares. Uma palavra, uma frase. Dependendo da situação, mesmo que não tenha nada a ver com o contexto, faz toda a diferença. Se de grátis, desconfie. Afinal, se conselho fosse bom se vendia. E como poderemos ter nosso chateau ou beber nosso vinho francês se não cobrarmos?

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Seja você mesmo, mesmo que não seja você



Como trilheiro espiritual vos digo:"Sonhar não custa nada, mas realizá-lo pode custar uma bela quantia". Nós, "magos", temos um truque, um artifício, para possuirmos nosso chateau e beber vinho francês. A auto-estimulação manual da auto-estima. Você, meu irmão, minha irmã, é um ser iluminado. Olhe-se no espelho. O que vê? Somente você pode fazer aquela maquiagem nesse rosto abatido e descorado. Mas tenha cuidado em não carregar no blush e na sombra. Muito menos no batom. O truque é conseguir viver seu sonho mesmo que seja por alguns minutos. Mas cuidado. Que não seja se transformar numa Carmen Miranda. Improváveis e mutáveis são os caminhos iluminados e des-lum-bran-tes da luz.

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2007

Tema de hoje: Zen.. paziencia, Zen.. zaco



Como trilheiro espiritual vos digo:"No meio do caminho havia uma pedra, chutei-a e meu pé quebrou". Nunca estamos completamente preparados. Os detalhes são a pedra no sapato de cada um de nós. Ao acreditar que está preparado para encarar aquela linda(o) mulher(homem.. blargh) sem guaguejar, ou seu chefe ao pedir aumento, ou ainda sair em dia nublado sem guarda-chuva tenha a consciência de revisar todos os passos. E lembre-se sempre de ter uma porta de escape. "Magos" irão te dar mil conselhos por módica quantia. Não acredite neles. Contemple seu eu interior e encontre aquele samurai. Mas cuidado para que ele não o mate. E cuide sempre do seu chateau e de sua adega de vinho francês. Eles podem ruir como pedras rolando ribanceira abaixo. Você, meu irmão, minha irmã, ao se deparar com as encruzilhadas em sua caminhada de luz não esqueça do GPS.

  ©"Em verdade vos digo", o blog da Hector Hereeye Foundation Template layla-imagem banner Kazuhiko Nakamura

TOPO  

Clicky Web Analytics