sexta-feira, 22 de junho de 2007

Tema de hoje: A cultura e a contemplação


Como trilheiro espiritual, vos digo: “Dum lupus instruitur in numen credere magnum, Semper dirigitur oculi respectus ad agnum.”. A vida terrena é feita de conhecimentos básicos. Aprendemos algumas coisas e, por medo do desconhecido, não nos dedicamos a outras. No caminho esotérico oportunista é a mesma coisa. O caminhante deve evitar o pecado da soberba. Meu irmão, minha irmã, não pense você que a luz divina irá livrá-lo das coisas mundanas. De nada adianta alcançar o conhecimento necessário, para pilotar um bólido como uma Ferrari 430 Spyder, se não sabe trocar um pneu. O que dizer então de desfrutar um magnífico cruzeiro pelo Caribe se não pode usufruir uma volta esquiando. Aproveitem a senda e estimulem o aprendizado perpétuo da simplicidade. Nós, “magos”, aprendemos a cultivar videiras em nosso chateau. Aprendemos também a amadurecer a uva e extrair o suco que irá se transformar em magníficos vinhos franceses. Um curso intensivo de degustação é mais do que bem-vindo, afinal a videira do vizinho é sempre mais verde. Culturais e contemplativos são os caminhos da iluminação.

Direto de Cotê D'azur, França: A imagem acima é de peregrinos se banhando nas águas sagradas do templo Ye-Kun-zhao, local onde proferi a palestra “A cultura como instrumento esotérico divino de contemplação, uma abordagem nirvânica dialética dicotômica" que proferi para 1.500 empresários franceses. Aos que desejam ter seu blog linkado, nessa casa espiritual, se manifestem. É de graça. Consultas oraculares podem ser enviadas por e-mail para heitorcaolho@gmail.com ou deixadas nos comentários. Conheçam o orkut do mago, link ao lado.

Seja o primeiro a comentar

  ©"Em verdade vos digo", o blog da Hector Hereeye Foundation Template layla-imagem banner Kazuhiko Nakamura

TOPO  

Clicky Web Analytics