quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Tema de hoje: O combustível


Como trilheiro espiritual, vos digo: “Se dermos um passo de fé, o divino nos dará mais visão e recursos financeiros inesgotáveis”. Certa vez, no caminho Ao-Shu-man, deparei-me com um grupo de monges Teng-Shiao-pin. Eles discutiam, acaloradamente, a respeito do verdadeiro significado da fé esotérica oportunista. Fiquei observando as argumentações e, em dado momento, o que me pareceu o líder concluiu: “A fé remove montanhas, logo é um explosivo”. Ri-me de tal estapafúrdia conclusão e segui meu caminho, pois nada tinha a aprender ali. A verdadeira fé é aquela que transforma ajuda imaterial em moeda forte sonante. Esse é o combustível do mundo. Meu irmão, minha irmã, sinta-se a vontade para debater todo e qualquer aspecto do divino nirvânico. Mas tenham o bom-senso de assimilar as palavras de seu guru preferido e não se deixem contaminar por bobagens pré-formatadas. Não, “magos”, acreditamos que a fé é uma via de mão dupla. Se compramos um crítico venal ou adulamos um editor ganancioso, em algum evento regado a vinho francês em nosso chateau, esperamos que se traduza em benefícios tangíveis. Combustíveis são os caminhos da iluminação.

Direto de Lanikai Beach, Havai, Estados Unidos: Na imagem acima peregrinas do templo Bin-Kin-min aguardam, em êxtase ansioso, meus ensinamentos de tantrismo dialético e também a palestra "A fé transcedental dialética nirvânica, uma abordagem instigante e incandescente sobre a busca do relacionamento cármico nos caminhos dicotômicos”, que proferi para 1.500 empresários estadunidenses. Aos que desejam ter seu blog linkado, nessa casa espiritual, se manifestem. É de graça. Consultas oraculares podem ser enviadas por e-mail para heitorcaolho@gmail.com ou deixadas nos comentários.

Seja o primeiro a comentar

  ©"Em verdade vos digo", o blog da Hector Hereeye Foundation Template layla-imagem banner Kazuhiko Nakamura

TOPO  

Clicky Web Analytics