quinta-feira, 12 de abril de 2007

Tema de hoje: Que sabedoria há na solidão?


Como trilheiro espiritual vos digo:” A solidão é para o espírito o que a dieta é para o corpo”. Sempre costumo dizer aqui nesse espaço sagrado para que tomem cuidado com falsos profetas. Principalmente aqueles que se dizem ermitões. A solidão não é passaporte para a fortuna. Nem, tampouco, para atingir seus objetivos esotéricos. Meu irmão, minha irmã, pelo menos uma vez você já foi assediado por aqueles sujeitos barbudos, esfarrapados, mal-cheirosos e gananciosos. Observando-os, certa vez no caminho Ao-Shu-man, percebi que, após pregarem a humildade, pobreza, penitência e solidão, esses seres infectos costumavam ir à melhor churrascaria, para se empanturrarem de petiscos e bebidas, e depois tirar uma soneca na melhor pousada da região. Que sabedoria se pode esperar? Cuidado com imitações. Nós, “magos”, estamos sempre atentos para levar a verdadeira espiritualidade a quem nos procura em troca de uma módica contribuição. Assim podemos manter nosso chateau e nossa adega de vinho francês. Sábios e solitários são os caminhos da luz.

Direto de Moroni, Comoros: A imagem acima é de peregrinos trazendo oferendas para a filial da Hector Hereeye Foundation antes da palestra “Visão messiânica do nirvana dialético” que proferi para 1.500 empresários comorenses. Aos que desejam ter seu blog linkado, nessa casa espiritual, se manifestem. É de graça. Consultas oraculares podem ser enviadas por e-mail para heitorcaolho@gmail.com ou deixadas nos comentários.

Seja o primeiro a comentar

  ©"Em verdade vos digo", o blog da Hector Hereeye Foundation Template layla-imagem banner Kazuhiko Nakamura

TOPO  

Clicky Web Analytics